English [en]   Deutsch [de]   français [fr]   日本語 [ja]   Nederlands [nl]   português do Brasil [pt-br]   русский [ru]   українська [uk]   简体中文 [zh-cn]  

Esta é uma tradução da página original em Inglês.

Sim, Doe

por Richard Stallman

Richard Stallman escreveu este texto, que foi encontrado em um arquivo datado de maio de 1983, embora não esteja claro se ele foi escrito na época ou antes. Em maio de 1983, ele estava pensando em planos para desenvolver um sistema operacional livre, mas ele pode ainda não ter decidido torná-lo um sistema semelhante ao Unix, em vez de algo como a Máquina Lisp (Lisp Machine) do MIT.

Ele ainda não havia distinguido conceitualmente os dois significados de “free”; essa mensagem é formulada em termos de cópias gratuitas, mas é assumido que isso significa que os usuários também têm liberdade.1

Uma das razões importantes para fornecer software livremente é permitir que usuários o modifiquem. Isso permite que façam um melhor uso dele, além de encorajá-los e permitir que contribuam para o esforço. Mais ainda, eles desenvolvem autossuficiência, confiança e senso de responsabilidade.

Eu sempre ouvi dizer que os americanos pensarão que algo é sem valor se for livre. Pode ser verdade, mas isso não é racional. As pessoas têm o direito de serem neuróticas, mas não devemos encorajá-las. Enquanto isso, doar software não é “tratá-lo como sem valor” só porque alguns masoquistas poderiam concluir que não teria valor.

Usuários não mudariam software se não tivesse valor; o contrário, porque lhes vale mais modificado que antes. Alguma manutenção central também é útil, mas existem outras maneiras de fornecer isso além de incomodar usuários.

Eu tenho muita experiência em compartilhar software e fazer com que usuários o modifiquem. Eu acho que

  1. há uma pequena tendência a acreditar que o EMACS não tem valor
  2. usuários mudam muito o EMACS
  3. mudanças dos usuários contribuem para o desenvolvimento do EMACS
  4. manutenção centralizada do EMACS continua

Eu abordei usuários em um espírito cooperativo não-manipulativo e eles reagiram com entusiasmo e cooperação. Quando informados de que restrições estão sendo impostas para enganar suas neuroses ou porque se assume, com antecedência, serem incompetentes, elas sentem um ressentimento justificável. Eles também tendem a se tornar incompetentes e neuróticos como resultado.

Nota do tradutor:
  1. A palavra inglesa “free” é ambígua, podendo significar tanto gratuidade/não ter preço (“free beer”, cerveja grátis) ou livre como em liberdade (“free speech”, liberdade de expressão). Para mais informações sobre isso, é recomendado a leitura da definição de software livre.
TOPO

[Logo da FSF]“A Free Software Foundation (FSF) é uma organização sem fins lucrativos com a missão global de promover a liberdade de usuários de computador. Nós defendemos os direitos dos usuários de software.”

PARTICIPE COMPRE