Esta é uma tradução da página original em Inglês.

Rejeite a diretiva de imposição de P.I.

Uma coalizão de liberdades civis e grupos de clientes se opõe a uma nova proposta de diretiva de punição mais rígida por violação de direitos autorais e patentes:

ipjustice.org/digital-rights/ipj-white-paper-acta-2008

A FSF também se opõe a esta diretiva, mas não assinamos essa declaração porque ela aceita muito do que deve ser combatido. A legislação da U.E. já é muito restritiva e, simplesmente, impedir novas alterações não é suficiente. É errado impedir que as pessoas compartilhem música e outras obras publicadas, e apenas leis draconianas poderiam fazer o trabalho, então não é surpresa ver que estão sendo propostas. Mas opor-se a esta diretiva sem criticar a sua motivação injusta é insuficiente. Mesmo o uso do termo “propriedade intelectual” é um ponto fraco, porque este é um termo de propaganda para aqueles que visam restringir o público.