English [en]   Deutsch [de]   ελληνικά [el]   español [es]   français [fr]   hrvatski [hr]   italiano [it]   日本語 [ja]   lietuvių [lt]   português do Brasil [pt-br]   русский [ru]   українська [uk]   简体中文 [zh-cn]  

EducaçãoEstudos de CasosArgentina → Escuela Cristiana Evangélica de Neuquén (ECEN)

Esta é uma tradução da página original em Inglês.

Escuela Cristiana Evangélica de Neuquén (ECEN)

As informações a seguir foram extraídas de um relatório que nos foi submetido pela professora de ensino primário da ECEN Debora Badilla Huento. O comprometimento dela representou um papel crítico em aumentar a consciência sobre o Software Livre e, principalmente, fazer com que a escola migrasse.

Localização

Cidade de Neuquén, capital da Província de Neuquén, na região da Patagônia Argentina.

Sobre

Nós somos uma escola privada Cristã, realizando toda a educação pré-escolar até o ensino médio, em conformidade com as exigências educacionais do estado.

Na Argentina, cada província desenvolve sua própria política. No caso da província de Neuquén, ensinar a ciência de computadores para turmas de ensino fundamental não é obrigatório. Atualmente, ciência da computação é uma atividade extracurricular.

Motivação

Nossa escola preza pelos ideais da solidariedade, honestidade, excelência na educação, a observância da lei, a constante busca pela verdade, justiça e amor em todas as atividades diárias. Usar e ensinar software proprietário era um contraste com esses valores. Diretores e professores da escola também não suportavam mais o gerenciamento de licença de software e as muitas restrições que os termos daquelas licenças impunham à escola.

Qualidade educacional e objetivos de longo prazo também foram levados em conta durante o processo decisório. É nosso entendimento de que treinar estudante sobre como usar uma marca de software específica está longe de ser a missão de uma escola.

Como Nós Fizemos Isso

Todo o processo durou quatro anos: nós iniciamos em 2006 com nossas estações de trabalho usando software proprietário e concluímos em 2010 com sistemas operacionais e programas totalmente livres em todos os computadores da escola, incluindo os escritórios da administração e a biblioteca.

O plano consistiu, principalmente, em diversas medidas que visavam aumentar a consciência sobre as implicações filosóficas, éticas e sóciopolíticas do uso de tecnologia. Esse aspecto fundamental foi mantido e ressaltado durante todo o processo e colocado em prática pela substituição gradual de programas proprietários com programas de Software Livre.

Durante o primeiro ano, nós introduzimos alguns cursos teóricos, principalmente “História da Ciência da Computação” e “Introdução à Arquitetura de Computadores”. Também cobrimos os aspectos legais de softwares, como os vários tipos de licenças, e falamos sobre o comprometimento dos usuários e desenvolvedores de Software Livre para a comunidade.

Cursos de treinamento sobre TI e todas as outras áreas foram lecionados aos professores de ensino médio, aos professores de ensino fundamental, à diretoria e à equipe de administração, e à bibliotecária.

Os seguintes recursos humanos foram empregados para carregar a migração:

  • 1 professor de Ciência da Computação de educação infantil e do ensino fundamental. Esse professor também está encarregado de dar manutenção nos computadores da sala de aula e qualificar outros professores e equipe da escola no uso do sistema operacional.
  • 5 professores de Ciência da Computação para o ensino médio.
  • 1 PC e técnico de rede encarregado da reparação de computadores do ensino médio.
  • 1 programador de Software Livre contratado para escrever o Sistema de Gerenciamento Administrativo.
  • 1 professor de TI contratado para qualificar a equipe da escola.

Custos de migração foram aceitáveis e bem dentro do orçamento da escola:

  • Reparos de PC: Em 2006, ECEN contratou um técnico de informática que forneceu documentação de Software Livre e um DVD do sistema operacional em uso. A escola tem trabalhado com ele desde então.
  • Treinamento: 60 horas de treinamento para qualificar a equipe da escola.

Comprometimento com o Software Livre

Desde 2010, estamos usando sistemas operacionais totalmente livres, não em “dual boot”, da seguinte forma:

  • 22 PCs nas salas de aula de educação infantil e ensino fundamental (estudantes com 4-12 anos de idade)
  • 24 PCs nas salas de aula de ensino médio (estudantes com 13-17 anos de idade)
  • 7 PCs nos escritórios da administração
  • 3 PCs na biblioteca
  • 1 notebook na sala de aula de vídeo

Alguns dos programas livres que nós usamos são:

Resultados

Nós sentimos que a experiência de migração foi bem positiva e decidimos adotar um ambiente de Software Livre para todas as estações de trabalho. Em outubro de 2009, a escola promoveu o Dia da Liberdade de Software na cidade de San Martín de los Andes.

Apesar de ter exigido dedicação e perseverança, o processo foi agradável. Agora, nós disseminamos o que aprendemos para ajudar outras comunidades educacionais.

Nós gostaríamos de expressar nossa apreciação pelo excelente trabalho feito a todas as pessoas envolvidas no esforço da migração.

Voltar aos Estudos de Casos

VOLTAR AO TOPO


[Logo da FSF]“A Free Software Foundation (FSF) é uma organização sem fins lucrativos com a missão global de promover a liberdade de usuários de computador. Nós defendemos os direitos dos usuários de software.”

A Free Software Foundation é a principal organização que patrocina o Sistema Operacional GNU. Apoie o GNU e a FSF comprando manuais e produtos, afiliando-se a FSF como um membro associado ou fazendo uma doação diretamente à FSF ou via Flattr.