English [en]   Deutsch [de]   ελληνικά [el]   español [es]   français [fr]   hrvatski [hr]   italiano [it]   日本語 [ja]   lietuvių [lt]   português do Brasil [pt-br]   русский [ru]   українська [uk]  

EducaçãoEstudos de CasosArgentina → Escuela Cristiana Evangélica de Neuquén (ECEN)

Esta é uma tradução da página original em Inglês.

Escuela Cristiana Evangélica de Neuquén (ECEN)

As informações a seguir foram extraídas de um relatório que nos foi submetido pela professora de ensino fundamental da ECEN Debora Badilla Huento. O comprometimento dela representou um papel crítico em aumentar a consciência sobre o Software Livre e, principalmente, fazer com que a escola migrasse.

Localização

Cidade de Neuquén, capital da Província de Neuquén, na região da Patagônia Argentina.

Sobre

Nós somos uma escola privada Cristã, realizando toda a educação básica (da educação infantil ao ensino médio), em conformidade com as exigências educacionais do estado.

Na Argentina, cada província desenvolve sua própria política. No caso da província de Neuquén, ensinar a ciência de computadores para turmas de ensino fundamental não é obrigatório. Atualmente, ciência da computação é uma atividade extracurricular.

Motivação

Nossa escola preza pelos ideais da solidariedade, honestidade, excelência na educação, a observância da lei, a constante busca pela verdade, justiça e amor em todas as atividades diárias. Usar e ensinar software proprietário era um contraste com esses valores. Diretores e professores da escola também não suportavam mais o gerenciamento de licença de software e as muitas restrições que os termos daquelas licenças impunham à escola.

Qualidade educacional e objetivos de longo prazo também foram levados em conta durante o processo decisório. É nosso entendimento de que treinar estudante sobre como usar uma marca de software específica está longe de ser a missão de uma escola.

Como Nós Fizemos Isso

Todo o processo durou quatro anos: nós iniciamos em 2006 com nossas estações de trabalho usando software proprietário e concluímos em 2010 com sistemas operacionais e programas totalmente livres em todos os computadores da escola, incluindo os escritórios da administração e a biblioteca.

O plano consistiu, principalmente, em diversas medidas que visavam aumentar a consciência sobre as implicações filosóficas, éticas e sóciopolíticas do uso de tecnologia. Esse aspecto fundamental foi mantido e ressaltado durante todo o processo e colocado em prática pela substituição gradual de programas proprietários com programas de Software Livre.

Durante o primeiro ano, nós introduzimos alguns cursos teóricos, principalmente “História da Ciência da Computação” e “Introdução à Arquitetura de Computadores”. Também cobrimos os aspectos legais de softwares, como os vários tipos de licenças, e falamos sobre o comprometimento dos usuários e desenvolvedores de Software Livre para a comunidade.

Cursos de treinamento sobre TI e todas as outras áreas foram lecionados aos professores de ensino médio, aos professores de ensino fundamental, à diretoria e à equipe de administração, e à bibliotecária.

Os seguintes recursos humanos foram empregados para carregar a migração:

  • 1 professor de Ciência da Computação de educação infantil e do ensino fundamental. Esse professor também está encarregado de dar manutenção nos computadores da sala de aula e qualificar outros professores e equipe da escola no uso do sistema operacional.
  • 5 professores de Ciência da Computação para o ensino médio.
  • 1 PC e técnico de rede encarregado da reparação de computadores do ensino médio.
  • 1 programador de Software Livre contratado para escrever o Sistema de Gerenciamento Administrativo.
  • 1 professor de TI contratado para qualificar a equipe da escola.

Custos de migração foram aceitáveis e bem dentro do orçamento da escola:

  • Reparos de PC: Em 2006, ECEN contratou um técnico de informática que forneceu documentação de Software Livre e um DVD do sistema operacional em uso. A escola tem trabalhado com ele desde então.
  • Treinamento: 60 horas de treinamento para qualificar a equipe da escola.

Comprometimento com o Software Livre

Desde 2010, estamos usando sistemas operacionais totalmente livres, não em “dual boot”, da seguinte forma:

  • 22 PCs nas salas de aula de educação infantil e ensino fundamental (estudantes com 4-12 anos de idade)
  • 24 PCs nas salas de aula de ensino médio (estudantes com 13-17 anos de idade)
  • 7 PCs nos escritórios da administração
  • 3 PCs na biblioteca
  • 1 notebook na sala de aula de vídeo

Alguns dos programas livres que nós usamos são:

Resultados

Nós sentimos que a experiência de migração foi bem positiva e decidimos adotar um ambiente de Software Livre para todas as estações de trabalho. Em outubro de 2009, a escola promoveu o Dia da Liberdade de Software na cidade de San Martín de los Andes.

Apesar de ter exigido dedicação e perseverança, o processo foi agradável. Agora, nós disseminamos o que aprendemos para ajudar outras comunidades educacionais.

Nós gostaríamos de expressar nossa apreciação pelo excelente trabalho feito a todas as pessoas envolvidas no esforço da migração.

Voltar aos Estudos de Casos

VOLTAR AO TOPO


[Logo da FSF] “Nossa missão é preservar, proteger e promover a liberdade de usar, estudar, copiar, modificar e redistribuir software, e defender os direitos dos usuários de Software Livre.”

The Free Software Foundation is the principal organizational sponsor of the GNU Operating System. Support GNU and the FSF by buying manuals and gear, joining the FSF as an associate member, or making a donation, either directly to the FSF or via Flattr.