English [en]   العربية [ar]   български [bg]   català [ca]   čeština [cs]   Deutsch [de]   español [es]   فارسی [fa]   français [fr]   hrvatski [hr]   italiano [it]   日本語 [ja]   മലയാളം [ml]   Nederlands [nl]   polski [pl]   português do Brasil [pt-br]   русский [ru]   Shqip [sq]   српски [sr]   Türkçe [tr]   українська [uk]  

Esta é uma tradução da página original em Inglês.

Usuários do GNU que nunca ouviram falar do GNU

por Richard Stallman

Para saber mais sobre esse assunto, leia também nosso GNU/Linux FAQ, nossa página sobre Por que GNU/Linux? e nossa página sobre Linux e o Projeto GNU.

A maioria das pessoas nunca ouviu falar do GNU. Até mesmo a maioria das pessoas que usam o sistema GNU nunca ouviram falar do GNU, graças a tantas pessoas e empresas que as ensinam a chamá-lo de “Linux”. Todavia, os usuários GNU frequentemente dizem que estão “rodando Linux”, que é o mesmo que dizer que você está “dirigindo seu carburador” ou “dirigindo sua transmissão”.

Logo, aqueles que conhecem sobre GNU associa-o com as ideias de liberdade do movimento de software livre. Aqueça associação não é um acidente; o motivo pela qual o desenvolvimento GNU foi especificamente feito para posibilitar o seu uso em um computador e ter liberdade.

Uma pessoa vendo o nome “GNU” pela primeira vez em “GNU/Linux” imediatamente não vai conhecer o que ele representa, chegou a um passo de descobrir. A associação entre o nome GNU e nossos objetivos de liberdade e solidariedade social existem na mente de centenas de milhares de usuários GNU/Linux que conhece o GNU. Isso existe em gnu.org e na Wikipedia. Isso existe ao redor da web; se esses usuários pesquisar por GNU, eles encontrarão as ideias que o GNU defende.

Se eles não pesquisarem, eles poderão encontrar de alguma maneira. A retórica do “código aberto” tende a desviar a atenção das pessoas para longe de questões sobre a liberdade dos usuários, mas não totalmente; ainda existe discussão sobre GNU e software livre, e as pessoas têm alguma chance de topar com ela. Quando isso acontece, é mais provável que os leitores prestem atenção a informações sobre o GNU (por exemplo, que ele é resultado de uma campanha por liberdade e comunidade) se eles sabem que são usuários do sistema GNU.

Ao longo do tempo, chamar o sistema de “GNU/Linux” dissemina consciência sobre os ideais de liberdade pelos quais nós desenvolvemos o sistema GNU. Também é útil como um lembrete para as pessoas de nossa comunidade que conhecem esses ideais, em um mundo onde grande parte da discussão sobre software livre tem uma abordagem totalmente prática (e portanto amoral). Quando pedimos a você que chame o sistema de “GNU/Linux”, o fazemos porque a consciência sobre o GNU conduz, lentamente mas certamente, à consciência sobre os ideais de liberdade e comunidade do software livre.

VOLTAR AO TOPO


 [Logo da FSF] “Nossa missão é preservar, proteger e promover a liberdade de usar, estudar, copiar, modificar e redistribuir software, e defender os direitos dos usuários de Software Livre.”

A Free Software Foundation é a principal organização que patrocina o Sistema Operacional GNU. Suporte o GNU e a FSF comprando manuais e produtos, afiliando-se a FSF como um membro associado ou fazendo uma doação diretamente à FSF ou via Flattr.